O câncer é cada vez mais comum em nossa sociedade, e acomete crescentemente pessoas mais jovens. Estudos relacionam a doença a fatores genéticos, hábitos de alimentação, estresse, fumo, álcool, a sedentarismo e ao sexo sem proteção, entre outros.

Dentre os tipos de câncer, o ginecológico – principalmente o do colo uterino, e o de mama – são bastante comuns e duas das principais causas de óbito de mulheres ainda em fase reprodutiva.

O câncer do colo uterino tem como fatores de risco a má higiene genital (da mulher ou do companheiro), múltiplos parceiros, história de infecções genitais recorrentes, doenças sexualmente transmissíveis, as chamadas DSTs, com destaque para a infecção por HPV (papilomavírus humano).

Já o de mama se deve, principalmente, a tendências genéticas, tanto que é importante informar ao médico a ocorrência de casos entre familiares próximas. Mas os riscos aumentam em mulheres acima dos 30 anos e que não tiveram filhos, que consomem em álcool e alimentos gordurosos em excesso ou que já têm alterações mamárias, como hiperplasia do tecido glandular.

Veja:

Cancer uterino
Cancer de mama

Compartilhe

Facebooktwittergoogle_plusmailFacebooktwittergoogle_plusmail

Temas