Veja as etapas durante a gestação, no momento do parto e após o parto

Young pregnant model in tank top touching her belly, gray background, studio, copy space, close-up

Foto: Designed by Freepik

A gravidez é uma experiência vital que implica em mudanças e adaptações profundas na gestante, tanto do ponto de vista físico quanto emocional, trazendo uma forte carga de ambivalências afetivas, ansiedades, medos, fantasias, além da tomada de consciência das limitações e privações sociais e profissionais pelas quais a mulher passará durante a gestação.

Felizmente, nos dias de hoje a mulher contemporânea vivencia sua maternidade com mais liberdade e qualidade do que tiveram suas avós e mães. É indispensável lembrar o importante papel do companheiro e dos familiares e amigos mais próximos durante a gestação, no momento do parto e após o parto.

Dentro deste círculo de afeto e confiança podemos, de certa maneira, “preparar” a mulher grávida, física e emocionalmente para receber seu bebê. É preciso lembrar também que o pequeno ser dentro da vida intrauterina percebe estímulos e recebe informações que são transmitidos pela vibração materna e que vão preparando-o para se adaptar à nova realidade, no seu “novo mundo”. Por isso, amor e carinho são fundamentais nessa fase.

Assistência ao pré-natal

A assistência ao pré-natal é importantíssima e deverá promover a saúde e bem-estar da gestante e do seu bebê por meio dos cuidados preventivos ou terapêuticos para identificar precocemente alterações que possam comprometer a integridade física e emocional do binômio mãe-bebê.

Primeira consulta

A equipe de saúde ao atender uma gestante na primeira consulta, deverá levar em consideração: os seus dados socioeconômicos, antecedentes de doenças familiares e pessoais, histórico ginecológico (com atenção para as doenças sexualmente transmissíveis) e obstétrico, hábitos de vida, tabagismo, alcoolismo, uso de medicamentos, drogas ilícitas, etc.

Exames

Uma vez obtidas estas informações básicas deve ser realizado o exame físico geral completo com avaliação do estado nutricional da mãe, o controle de peso e da pressão arterial, dentre outros. Em seguida, será realizado o exame ginecológico e obstétrico compatível e adequado a cada fase da gestação.

Pós-parto

No começo da gestação as consultas de rotinas podem acontecer de quatro em quatro semanas e depois adequadas de acordo com as condições clínicas e obstétricas da gestante. É em função deste acompanhamento periódico, tanto clínico quanto laboratorial e ultrassonográfico, que poderemos melhor assegurar um final feliz.

Compartilhe

Facebooktwittergoogle_plusmailFacebooktwittergoogle_plusmail